Algumas reflexões sobre o uso de máscaras

Atalaia – Mais armados
23 de julho de 2020
Saúde – O coronavírus está no ar
23 de julho de 2020

Algumas reflexões sobre o uso de máscaras

Há grande quantidade de estudos randomizados (RCT) e meta-análises que mostram que as máscaras não previnem o contágio por vírus do tipo influenza ou de doenças respiratórias transmitidas por partículas tipo aerossóis (menores que 2,5 µm).

Quando uma pessoa fala, tosse ou respira, projeta de sua boca cerca de 900 a 300 mil partículas líquidas, variando em tamanho de poucos mícrons até o semelhante a um grão de areia. Estas partículas finas podem ficar em suspensão por muito mais de 8 horas.

As concentrações virais no ar de interiores (ambientes hospitalares, unidades de day-care, a bordo de aviões, etc.) foram demonstradas por Yang (1).

Tais pequenas partículas são parte da fluidez do ar, não estão sujeitas à sedimentação gravitacional e não seriam detidas por um impacto inercial de longo alcance. Isto significa que o menor (mesmo que momentâneo) movimento de uma máscara no rosto faz com que a norma de filtração desenhada para a referida máscara seja inteiramente irrelevante. De qualquer maneira, como o coronavírus é uma partícula esférica medindo de 0,06 a 0,14 mícrons, o material de filtração da N95 (tamanho médio do poro de 0,3 – 0,5 µm) não bloqueia a penetração do vírus; menos ainda as máscaras cirúrgicas (2).

É importante notar que a eficiência das máscaras em deter micropartículas e a inalação do hospedeiro é apenas metade da equação, porque a dose infectiva mínima (MID) deve também ser considerada. Por exemplo, se uma grande quantidade de partículas carregadas de patógenos precisasse ser levada aos pulmões dentro de certo período de tempo para que a doença se instalasse, então um bloqueio apenas parcial por qualquer máscara poderia ser suficiente para fazer uma diferença significante. Por outro lado, se o MID é ultrapassado por apenas uma partícula de aerossol capaz de atravessar os poros das máscaras, estas não têm utilidade prática.

Calcula-se que a quantidade mínima de partículas virais para infectar 50 % das pessoas (TCID50) seja entre 100 e 1000 vírus. Esta quantidade pode caber em apenas uma partícula de aerossol.

Convém lembrar que os países asiáticos que têm o costume de usar máscaras com frequência não têm uma incidência menor de casos de influenza do que países ocidentais.

Também um outro estudo mostrou que máscaras cirúrgicas recentemente retiradas da caixa reduzem o número de bactérias exaladas em 75%, mas depois de 120 minutos de uso não bloqueiam mais e após 150 minutos expõem o paciente a 50% mais bactérias do que a pessoa sem máscara.

Além disso, é preciso refletir sobre algumas perguntas ainda não respondidas:

1.Máscaras umedecidas ou usadas poderiam ser fonte de contaminação para outras pessoas?

2.Poderiam as máscaras servir de coletores para outros patógenos que, sem elas, o usuário não teria contacto? E o risco de crescimento bacteriano nestas máscaras?

3.Poderia o vírus ser aspirado de uma gotícula capturada pela máscara?

Portanto, não há avaliações científicas (como muitos exigem para tudo) recomendando o uso de máscaras para evitar a contaminação pelo coronavírus.

Isto significa que é errado usá-la? Se usarmos o Princípio de Precaução talvez não, mas seu uso pode ter um efeito mais evidente em nível psicológico.

1-Yang, W. et al. (2011) “Concentrations and size distributions of airborne influenza A viruses measured indoors at a health centre, a day-care centre and on aeroplanes”, Journal of the Royal Society, Interface. 2011 Aug;8(61):1176-1184. DOI: 10.1098/rsif.2010.0686. https://royalsocietypublishing.org/doi/10.1098/rsif.2010.0686

2-Balazy et al. (2006) “Do N95 respirators provide 95% protection level against airborne viruses, and how adequate are surgical masks?”, American Journal of Infection Control, Volume 34, Issue 2, March 2006, Pages 51-57. doi:10.1016/j.ajic.2005.08.018 http://citeseerx.ist.psu.edu/viewdoc/download?doi=10.1.1.488.4644&rep=rep1&type=pdf

Os comentários estão encerrados.